6 lições do curso mais popular de Harvard: como ser feliz

Já ouviu falar em Tal Ben-Shahar? Se lhe dissermos que este doutor israelense é um dos principais e mais requisitados professores de Harvard ou que muitos de seus alunos são empresários, você provavelmente pensará que ele leciona economia ou administração, certo? Nada disso. Tal Ben Shahar ensina FELICIDADE.

Tal Ben-Shahar é o criador do curso mais popular na história de Harvard, o de Psicologia Positiva. Ainda, tem milhares de alunos no curso de Psicologia da Liderança. De seus inúmeros livros e de sua experiência profissional, extraiu seis grandes chaves para a felicidade. 

1.Perdoe seus fracassos. E mais: festeje-os! É impossível tentar viver sem emoções negativas, já que são tão naturais quanto a alegria e o bem-estar. “Aceitando as emoções negativas, nos abrimos para desfrutar a positividade e a alegria”, diz o especialista. Temos que nos dar o direito de ser humanos e perdoar nossas fraquezas.

2.Não veja as coisas boas como garantidas, mas seja grato por elas. Coisas grandes ou pequenas. “Essa mania que temos de achar que as coisas são garantidas e sempre estarão aqui têm pouco de realista.”

3.Pratique esporte. Basta praticar um exercício suave, como caminhar em passo rápido por 30 minutos diários, para que o cérebro secrete substâncias que nos fazem sentir “drogados” de felicidade, porque na realidade são opiáceos naturais produzidos por nosso próprio cérebro, que mitigam a dor e geram prazer.

4. Simplifique, no lazer e no trabalho. “Precisamos identificar o que é verdadeiramente importante e nos concentrar sobre isso”, propõe Tal Ben-Shahar. Já se sabe que quem tenta fazer demais acaba conseguindo realizar pouco, e por isso o melhor é se concentrar em algo e não tentar fazer tudo ao mesmo tempo.

5. Aprenda a meditar. No longo prazo, a prática de exercícios de meditação ajuda a enfrentar as armadilhas da vida e superar crises com mais força interior. Ben-Shahar acrescenta que a meditação também é um momento para orientar os pensamentos para o lado positivo. Embora não haja consenso de que o otimismo garanta o êxito, ele lhe trará um grato momento de paz.

6. Seja resiliente. Cultive a percepção do fracasso como “oportunidade”. O conceito de resiliência foi emprestado da física e da engenharia e descreve a capacidade de um material de recuperar sua forma original depois de submetido a uma pressão deformadora. Nas pessoas, a resiliência expressa a capacidade de um indivíduo de enfrentar circunstâncias adversas, condições de vida difíceis e situações potencialmente traumáticas, e recuperar-se, saindo delas fortalecido e com mais recursos.

Deixe uma resposta