Apesar de Sylvester Stallone acumular fama e fortuna ao longo dos últimos 40 anos, a rota que ele levou para chegar lá foi uma das mais penosas de Hollywood. Sem a sua persistência, talvez ele teria ficado pelo caminho, como tantos outros.

Devido a complicações no parto, o lado inferior esquerdo do rosto de Stallone é paralisado, incluindo partes da língua, lábio e queixo. Sofreu bullying sua infância inteira e, ao invés de se remoer como um deficiente, ele seguiu em frente e usou o fato como uma marca registrada. “Aqui não é lugar para você.” “Você nunca vai ser uma estrela.” “Você é louco.” “Ninguém vai querer ouvir alguém que parece drogado e fala com o canto de sua boca”. Estas foram só algumas das dezenas de frases que ele ouviu quando estava procurando por um emprego como ator, em Nova Iorque.

Um dos momentos mais duros da vida de Stallone foi quando chegou ao fundo do poço, sem dinheiro algum no bolso, ele acabou vendendo as joias da esposa. O relacionamento acabou neste instante. Seu único companheiro era o cachorro, que ainda teve que vender por R$ 50 em uma loja de bebidas, pois não tinha como alimentá-lo. Foi um dos dias mais tristes de sua vida.

Enfim, ele encontrou pessoas que acreditavam no roteiro e ofereceram 125 mil dólares pelo filme. Rejeitou a proposta pois não queriam que atuasse no filme. Chegaram a oferecer contrapartidas de 325 mil só para que não atuasse. Negou novamente. No fim, deram-lhe 35 mil dólares para que ele participasse do filme e dos riscos. O primeiro filme de Rocky custou menos de 1 milhão de dólares e faturou 200 milhões.

Quando ele recebeu os 35 mil dólares, procurou o cara que comprou seu cachorro e ofereceu mais que o dobro do dinheiro para tê-lo de volta, o rapaz só aceitou com Stallone ofereceu 15 mil dólares e mais a participação no filme. No filme, o cachorro de balboa é o companheiro de Stallone na vida real.
O filme transformou-se em um grande sucesso mundial e até hoje pessoas como eu, se emocionam assistindo!

Deixe uma resposta